postado por | em BLOG, MÍDIA | não há comentários

 

Expansão  O setor petrolífero continua abrindo inúmeras oportunidades para profissionais no mercado de trabalho. As especializações são diversas e a demanda de mão-de-obra qualificada para determinadas funções é cada vez maior. Uma das profissões mais carentes no setor de óleo e gás é a de técnico de soldagem, que atua auxiliando a engenharia de projetos na execução de cálculos de juntas de solda, estudando e definindo o melhor processo para ser aplicado, além da verificação dos custos e a execução junto à inspeção de solda.
Valorização  O curso técnico de solda busca ensinar para os futuros profissionais as práticas do mercado nas mais diversas áreas de soldagem, dentre elas indústrias siderúrgicas, petrolíferas, metalúrgicas ou navais.Desta forma, o aluno é treinado para executar o que realmente vai enfrentar no ramo de atuação. Para o Instrutor de Soldagem Industrial e professor do curso Petrocenter, Jose Dinora, a profissão “será ainda mais valorizada com a necessidade de fabricação de novas plataformas, linhas de tubulação para escoamento de óleo, construção de novos navios para transporte de petróleo, além da manutenção geral dos equipamentos”. Dessa forma, há um horizonte favorável para os técnicos de solda, segundo o instrutor.
Experiência  A principal reivindicação dos alunos que já se formaram em cursos técnicos de soldagem é a dificuldade para ingressar na profissão devido à pouca experiência profissional. Segundo Dinora, esta situação infelizmente ocorre em diversas áreas do mercado de trabalho, e para os recentes técnicos não sofrerem com estes requisitos impostos pelas empresas, a melhor opção é buscar estágios para absorverem experiência. “O recém formado tem que buscar uma oportunidade em funções de ajudante ou um estágio para somente depois conseguir exercer a sua verdadeira função como técnico de solda. Outra forma é recorrer a uma indicação para o primeiro emprego”, alerta o instrutor que atua na área de Soldagem para o Segmento naval e off-shore desde 1975.
Atuação  De acordo com os dados apresentados por Jose Dinora, os técnicos de solda podem trabalhar em diversas áreas do setor petrolífero como em plataformas, refinarias, fabricação e montagem de dutos, Espoo (a pré- montagem da tubulação) e em reparos de solda em geral. O salário do profissional gira em torno de R$2.000,00 a R$6.000, de acordo com a experiência ou grau de especialização. A mensalidade dos cursos técnicos de soldagem varia conforme sua duração e carga horária.
O recém formado tem que buscar uma oportunidade em funções de ajudante ou um estágio para somente depois conseguir exercer a sua verdadeira função”.
Jose Dinora, Instrutor de Soldagem Industrial e professor do curso Petrocenter

 

f onte:http://oiletecc.blogspot.com/2012/01/curso-tecnico-de-solda-em-ascensao-no.html

Deixe um comentário